CASA DO POVO

CASA DO POVO

sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Justiça decreta prisão de PM suspeito de atacar ônibus durante paralisação de grupo

Foto: Correio da Bahia
A Justiça decretou prisão preventiva contra o soldado suspeito de participar de ataques contra dois ônibus coletivos de Salvador, após o anúncio de paralisação de um grupo de policiais militares. Ele chegou a ser baleado e preso na ação. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), Anselmo Sousa dos Prazeres, 34 anos, estava junto com grupo que atravessou o coletivo no bairro de Itacaranha, no subúrbio de Salvador. Ele entrou em confronto com outros policiais que estavam em serviço, antes de ser atingido por um dos disparos.
Anselmo chegou a ser socorrido e levado para o Hospital do Subúrbio, onde ficou sob custódia. O soldado ficará custodiado em uma ala destinada a militares no Complexo Penitenciário da Mata Escura. O crime aconteceu no dia 10 de outubro, após o anúncio de paralisação de um grupo de policiais militares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário