CASA DO POVO

CASA DO POVO

quinta-feira, 6 de dezembro de 2018

Vacinação contra febre aftosa é prorrogada por falta de vacina

Foto: Reprodução
A campanha de vacinação contra a febre aftosa em todo o estado da Bahia foi prorrogada. Agora os produtores rurais vão ter até a próxima segunda-feira, 10 de dezembro, para vacinar o rebanho. O prazo para enviar a declaração para a Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB) também foi estendido até o dia 26 de dezembro. A declaração é o único documento que atesta que o gado foi imunizado.
A prorrogação foi autorizada pelo Ministério da Agricultura (MAPA) depois que alguns estados registraram problemas nos sistemas de informática que fazem o controle oficial da vacinação, ou por falta de vacina nas revendas e distribuidoras de produtos agropecuários.
Por determinação do órgão nacional, a campanha havia sido prorrogada apenas nos estados do Acre, Mato Grosso, Maranhão, Paraná, Rio Grande do Sul, Espírito Santo e no Ceará. A Bahia não aparece na lista oficial divulgada pelo Ministério, mas as autoridades estaduais decidiram acompanhar, voluntariamente, a decisão federal.
De acordo com a ADAB, antes da campanha, as revendedoras que atuam na Bahia tinham um estoque de quatro milhões de doses da vacina. O número era considerado suficiente para imunizar os quase três milhões de animais previstos para esta etapa. Mas muitas doses eram de 50 ml, volume acima do necessário e de maior custo para os produtores. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário